Verdades sobre a alimentação

Quase estudei nutrição um dia. A vida me levou para outros caminhos. Quase sem perceber me tornei chef e pesquisadora de alimentação natural. Li tantos livros, fiz cursos, investiguei muitas linhas de alimentação, experimentei várias. Aprendi muito nos últimos anos e sem pretensão de ser a dona da verdade (há tantas verdades neste mundo) gosto cada dia mais de dividir minhas descobertas com vocês. Há muitas teorias sobre alimentação e cada um deve seguir o caminho que lhe é favorável.

A minha jornada em busca de equilíbrio e boa alimentação já gerou muita controvérsia entre as pessoas que conheço. Muitos acham “bobagem”, por pura e simples ignorância quanto ao assunto. Outros vieram a vida para “enfiar o pé na jaca” e viver com todos os tipos de doença imagináveis e ainda acham que isto é viver, para mim é sobreviver e eu quero é superviver com corpo saudável e apto a aproveitar a natureza, dançar, praticar yoga, andar, nadar, isto sim é SUPERVIVER.

Já ouvi de amigos que a dieta VIVA ou crua é uma imensa bobagem, que vegetarianos são subnutridos e que veganos não tem quase o que comer. A minha preferida é: como o homem só evoluiu comendo carne, é perfeitamente saudável se empanturrar de quantidades monstras de carne todos os dias, e tem gente que faz isto. Então está bem. Vamos lá, muitos milhares de anos atrás (sou péssima em história), estava lá o sr Ancestral correndo loucamente atrás de um animal selvagem, criado solto, alimentação orgânica, para comê-lo fresquinho. Este sim era um bife de verdade. E você acha que ele comia presunto ou peru no café da manhã, carne no almoço e frango no jantar? Aposto que não. E leite de vaca, tenho certeza que não tomava não.

Concordo com todas as teorias que dizem que o homem desenvolveu seu cérebro ingerindo carne animal pois naquele tempo não havia outra maneira de ter a quantidade de calorias necessária ao desenvolvimento sem a ingestão de carne. Até no caso de crianças acho importante a proteína animal pois questiono que consigam as calorias necessárias só com alimentação vegana. E para consumir leite e queijos sem parar prefiro que comam um frango, um peixe, até uma carninha de vez em quando. Agora, vem cá amigo, comer grandes quantidades de proteína quase que industrializada sempre acompanhada de gordura todos os dias não pode ser saudável. Você acha que seu bifinho, seu frango, seu ovo, são “naturais”. Pena mesmo, mas não são. Então não me venha defender o consumo desenfreado de proteína animal. Pense em quantos hormônios,antibióticos são dados ao boi, a vaca, ao frango (ainda tento acreditar no frango e ovo orgânico). E os peixe criados em cativeiro, não são exatamente um salmon selvagem da Noruega.

Existem muitas formas de se obter proteína de qualidade, gordura boa sem consumir carne. Oleaginosas, avocados, sementes. São muitas as boas fontes. Existem muitas pessoas aptas a orientá-lo sobre o assunto. Não sou vegetariana, mas meu consumo de peixe, frango e ovos é muito inferior ao de quase todas as pessoas não vegetarianas que conheço. De vez em quando sinto a necessidade de um franguinho, um peixe. Cada organismo reage de uma maneira. Uns vão muito bem só com vegetais, outros não. Se diminuirmos o consumo de derivados
animais, o mundo vai sofrer menos e seu organismo então, nem se fale. As carnes junto aos alimentos refinados e álcool, são as principais fontes de acidez para o nosso organismo, e portanto devem representar a menor parte de nossa alimentação, a porção correta dizem as nutricionista é a palma da mão sem os dedos, só o quadradinho. Nunca vi ninguém comer assim… sempre vejo bifões grandes e filets enormes de peixe ou frango. E as dietas só de proteínas? Nos meus estudos nos Estados Unidos, os mestres com os quais tive aula de nutrição, consideram esta a pior de todas as dietas possíveis no longo prazo. Não digo os que fazem esta dieta por alguns poucos meses e reestabelecem o consumo normal de frutas e verduras, mas os que decidiram viver assim. E tem gente que sim, acha que se entupir de queijos e carnes é a melhor maneira de viver “magro”.

Outro problema do homem moderno é a cafeína. Não um bom café por dia, ou até dois ou três e sim aquela garrafa térmica, com café velho, que dura horas e é tomado sem parar em reuniões. Não dá para dizer que toma-se porque é bom. Puro hábito, mania. Se for para tomar café, valorize-se, um café fresco, feito na hora. Ou tome um chá de gengibre com cravo, canela, aniz e cardamomo. Este sim fica perfumadinho por horas. Na minha outra vida, no século passado, quando eu trabalhava como maluca em um banco de investimento, minha garrafa com o chá preparado pela dona Griga estava lá, com gengibre, cravo, canela e uma pitada de amor. E eu trabalhava 15 horas por dia, sem café e no maior pique. O excesso de cafeína vicia e pode levar a aumento de ansiedade, tremedeiras e aumento do ritmo cardíaco. Muitos defendem que em doses homeopáticas (café é uma droga que pode ser usada para o bem ou mal) o café ou chá verde tem propriedades anti oxidantes. Eu tento não tomar todos os dias. Mas dia sim, outro não, adoro meu espresso com leite de castanha do pará, ou leite de avelã… E chás, tomo muito, o dia todo. Quem me conhece sabe da minha coleção de garrafas térmicas para levar na bolsa.

Quer alegar sua vida? Eu amo os chás, eles são de uma sutileza, o aroma, a quentura, fazem carinho no coração. Experimente um chá de erva doce, de hortelã, se quiser sofisticar vá a Talchá da minha amiga Monica, no shoppings Higienopolis e JK. Aproveite a variedade de chás sem cafeína, são divinos, coloridos. Divirta-se.

O consumo exagerado de carboidratos refinados também é um problema. Estão presentes em vários tipos de alimento, e na pirâmide preconizada pelo governo americano consiste na base junto aos vegetais. Na minha pirâmide, estaria no terceiro andar, em porções moderadas. Os vegetais já tem quantidade suficiente de carboidrato. As leguminosas estariam talvez em segundo pois são um mix excelente de carboidratos e proteínas. Reduza o consumo de carboidratos e sinta seu corpo desinchar imediatamente. E quando consumi-los lembre de variar a fonte e sempre integrais. Varie, tapioca, com pão sem gluten, arroz integral, quinoa, batata doce.
Evite consumir glúten todos os dias. Existe massa de quinoa, arroz. Variar, variar… esta é a principal maneira de evitar alergias e intolerâncias.

Ingira algumas oleaginosas todos os dias, elas mantém seu coração saudável. Use avocados nas suas saladas quando for fazer uma refeição mais leve. Prepare uma guacamole com avocado, limão, cebola roxa, sal e coentro. Sabe o que falamos para as crianças, comer colorido? Vegetais bem bonitos em todas as refeições, umas três frutas por dia, de preferência no café da manhã e como lanches.

Aconselho de coração você a pensar antes de comer. Olhar para seu corpo, ouvir o que ele pede. O meu pede frutas muitas vezes, pede verduras e quando pede doce já sei que estou com desequilíbrio alimentar. Aprendi a gostar de chocolate 100% cacau, sem nenhum açúcar. E como 2 quadradinhos de vez em quando. Ou faço meus Chocolates Vivos, que duram meses no freezer e são degustados com moderação.

Comece o dia com um suco de vegetais, são tantas as combinações. Se puder compre uma centrífuga, e faça algumas experiências. Coma uma fruta, pode ser com chia, linhaça, ou com granola e leite de oleaginosas. De vez em quando um ovinho para quem consumir. Inteiro, sem esta de só claras (aumentam o risco de alergia). O ovo bom de se usar é o caipira, ou orgânico e inteiro.

Procure os vegetais e frutas orgânicos. De preferência a eles. Muito importante evitar o excesso de inseticidas que são usados na agricultura tradicional. Para encarar esta vida de forma feliz e saudável, não podemos ignorar a boa alimentação. Nada de ser rígido ou militar… Apenas observar os hábitos quotidianos, pensar como você gostaria de viver, como gostaria de envelhecer e colocar na balança se é tão importante assim consumir com freqüência o que faz mal. Deixe o pastel para de vez em quando, a feijoada também. Ninguém morre comendo direito, é o verdadeiro oposto, a gente morre se comer como se não houvesse amanhã, porque se exagerarmos não
haverá mesmo.

Aproveitando o post, apresento duas receitas de sucos naturais feitos ou na centrífuga ou coados para começar o dia. Pense em vitamina na veia, isto são os sucos desprovidos de fibra, absorvidos rapidamente pelo organismo, cheios de clorofila, pura saúde. Ajudam o corpo a se purificar e manter o corpo alcalino.
Tentem usar produtos orgânicos.

SUCO DE BETERRABA, CENOURA E COUVE

1 beterraba pequena

1 cenoura pequena

3 folhas de couve

1 pedacinho de gengibre (opcional)

Centrifugar tudo e tomar rapidamente. Caso vá fazer no liquidificador colocar o mínimo possível de água e passar na peneira. Este suco é repleto de minerais, vitaminas, clorofila.

Do Blog For the Love of Good

Do Blog For the Love of Good

BOLINHOS DE FIBRA

Com as sobras – a polpa (sem pedaços grandes que possam ter sobrado), adicionar 1 colher de sopa de farelo de aveia, 1 colher de sopa de linhaça triturada ou chia, sal a gosto, fazer bolinhos e desidratar
ou assar até ficarem crocantes. Usar para driblar a fome durante o dia, lanche entre café da manhã e almoço ou a tarde.

SUCO DE BATATA YACON, COUVE E CHUCHU

1 batata yacon

3 folhas de couve

1/2 chuchu

Centrifugar tudo e tomar rapidamente. Caso vá fazer no liquidificador colocar o mínimo possível de água e passar na peneira.

Este suco é super diurético, e a batata yacon ajuda a baixar o açúcar no sangue. Também é rico
em clorofila.

SUCO DE ABACAXI, PEPINO, HORTELÃ e ESPINAFRE

1 rodela grande de abacaxi

1 punhado de hortelã

1 xícara de espinafre

Centrifugar tudo e tomar rapidamente. Caso vá fazer no liquidificador colocar o mínimo possível de água e
passar na peneira. Este suco também é diurético e rico em vitaminas.

Também dá para fazer os bolinhos de fibra, podem até ser doces, temperados com canela, cravo, cardamomo em pó e estévia.
Brinque, divirta-se. Cozinhar demora menos que navegar por umas horinhas no facebook ou ver três programas de TV. Reserve 1 hora para você, para cuidar de sua saúde. A centrífuga quebra muito o galho. Só lavar os produtos e centrifugá-los. Para lavar a centrífuga alguns minutos bastam.

Muitos outros posts virão em breve. Tenho muito a compartilhar e ajudar a melhorar a sua vida.
Namaste!

6 comentários sobre “Verdades sobre a alimentação

  1. lu disse:

    Renata, adorei seu post e principalmente as receitas,gostaria de saber onde posso obter mais receitas sua, eu vi vc algumas vezes no vc bonita e adoro seu jeito de melhor as receitas em deixar mais saudáveis, aguardo se contato, obrigada.

  2. Leila Cristina Lomba disse:

    A Paz de Jesus
    Verdades sobre a alimentação é o artigo que eu gostaria de ter escrito, fala de tudo que venho perseguindo ao longo de 20 anos (aprendendo lendo, em programas, a medida que o Senhor vai possibilitando, através de pessoas e situações…) Sou muito grata a Deus pela oportunidade de pensar da maneira como você escrtita no seu artigo, foi um conquista sofrida, por não ter estudado essa area, por não ter certeza se estava correto, pois tudo joga contra esse conceitos (médicos, familia, mídia…) Mas valeu o pouco que insitiu, serviu para nas horas que necessitei ser radical, não foi dificil, não precisei improvisar. Hoje o meu lema com relação ao que você escreveu é: Se essas informações estão chegando até você por várias vias e elas te inquietam e de uma certa formar algo te diz que você consegue faze certas trocas e você se adapta a esse novo: você vai precisar mais que os outros, Deus tem um plano na sua vida e quer restaurar sua saúde por essa via. Leila Lomba, de nova iguaçu RJ

    • renatarea disse:

      Raquel, muito obrigada! Espero postar muitas coisas legais! Vc ja me segue no instagram (renatarealifestyle1) e no face (Renata Rea – Natural Lifestyle)? Posto muita coisa no instagram! Bjs

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s